Programa Arte Brasil - Tudo em Artesanato
Busque o passo a passo ou vídeo:  
Assista as Aulas
  O Programa
  Passo a Passo
  Sintonize o Canal
  Concursos
  Matérias
  Agenda
  Minha História
  Hist. do Artesanato
  Enquete
  Parceiros
  Fale Conosco
  Kits e DVDs
blank
blank
Orkut

Participe do nosso Orkut!
Twitter

Participe do nosso Twitter!

Facebook

Participe do nosso Facebook!

blank
Blog
Blog do Rogério Chiaravalli
blank
Compartilhe! Compartilhe!
blank
Cadastre seu e-mail conosco!
Minha História

 
Confira a História de vida de Jussara Sartori
Eu e minha família viemos do Sul na busca de novas oportunidades e chegamos em Cuiabá no ano de 1994. O calor e a receptividade desta terra nos encantaram. Buscar um novo trabalho foi difícil, pois tinha filho pequeno e devido às dificuldades e a falta de um maior conhecimento, busquei na pintura um objetivo novo, já que desde cedo a arte fez parte da minha infância, e assim encontrei nas telas um novo sentido e uma esperança que fizesse diferença.

Um dia, trabalhando na varanda da minha casa, ouvi a voz de uma criança que mais parecia um anjo. Ela colocou o rostinho entre as grades do portão e falou: "Tia, você pinta tão lindo! Por que não dá aula para crianças?".

Isso soou como um badalar de sinos na minha cabeça até chegar ao coração, quando olhei para trás não vi mais a menina. Até hoje procuro aquele rostinho, pois não era ninguém próximo dali.

Quando meu esposo chegou, falei a ele que já sabia o que fazer para ajudá-lo. Fiz uma exposição no bairro e mais uma vez um anjo apareceu.

Uma amiga chamada Miriacilene ofereceu-me uma sala na escola dela para começar as aulas de pintura. Como o nº 7 é um número divino, comecei dando aula com 7 crianças. Os meses se passaram, os alunos aumentaram e logo aluguei uma sala comercial, onde montei um pequeno ateliê. Passaram alguns meses, comprei uma sala no mesmo bairro e montei uma lojinha para vender materiais que os alunos precisavam.

Logo me deparei com as dificuldades de como administrar, como vender. Então busquei conhecimento, estudei e me escrevi em vários cursos através do Sebrae, onde aprendi a desenvolver técnicas de empreendedorismo.

Hoje tenho uma loja de artesanato e ateliê de pintura de 400m2, que diretamente emprega 5 pessoas e indiretamente mais de 8, entre vendedores, professores e marceneiros. Adoto o sistema ganha-ganha, no qual os funcionários são parceiros e a valorização do ser humano é fundamental para motivar a equipe. Nosso diferencial é o amor e o respeito com cada cliente. Hoje tenho parceiros como empresas nacionais de grande porte como Pinctore Tigre e Corfix. Trabalho divulgando os produtos em todo estado de Mato Grosso.

Além de criar e desenvolver técnicas com produtos dessas empresas, participo de feiras em todo o Brasil e nestas feiras levo a parte regional com orgulho de ser Mato-grossense de coração.

Buscando encontrar o anjo que me ajudou, desenvolvo o projeto "Coração", que são oficinas de artes para deficientes na escola Francisval de Brito, lugar onde aprendo mais que ensino. Aprendo humildade, amor e ensino artes e artesanato para crianças portadoras de necessidades especiais.

Acredito que o sucesso não vem por acaso, vem com dedicação, aprendizado, vontade de vencer e muito amor. Minha emoção de ensinar pessoas desacreditadas, excluídas que se acham incapazes de fazer o belo e depois de algum tempo ver o brilho nos olhos e ter a certeza que podem ser diferentes, aprender a pintar a vida através das cores.

Acredito que os programas de TV que divulgam o artesanato são importantes, porque além do conhecimento, fazem as pessoas sonharem trazendo um sentimento de realização, auto-estima, e mais, mostram ao mundo que são capazes de fazer o melhor a cada dia, na busca de uma vivência melhor fazendo o que é belo.

Que minha história motive pessoas que estão depressivas ou que se acham incapazes de fazer e viver o belo ato de colorir suas vidas. Apesar de toda a dificuldade a persistência deve existir sempre e nessa trajetória profissional como artista plástica e como empreendedora tive ganhos e perdas, porém os ganhos emocionais são maiores e me motivaram a continuar. Tenham o coração aberto e sensibilidade de ver o anjo que pode aparecer em suas vidas.

Hoje posso falar que AMO O QUE FAÇO E VIVO DO QUE AMO FAZER!
Fale com nossa Artesã(o)
ciadasarts@bol.com.br
 
 
A cada mês vamos conhecer a história de vida de um artesão! Conte você também a sua história, envie-nos um e-mail. artebrasil@programaartebrasil.com.br


Programa Arte Brasil - Tudo em artesanato!